Uma iguaria exótica!

Se Palmenmark ou Palmherz (Alemanha – “coração da palmeira“), os palmitos são uma verdadeira iguaria exótica na nossa cozinha.

Os índios de todo o mundo têm um papel fundamental na história dos nossos alimentos, e um desses, que nos foram apresentados por eles, é o palmito.
O Palmito é originário da América Latina. A história sobre a utilidade da palmeira amazônica tem origem no Peru, onde tem o nome de „pijuayo“.
A pupunheira que é nativa da bacia do Amazonas, é uma das espécies de palmeiras mais ecologicamente viável para a extração do palmito, pois precisa somente de dois anos para crescer.
O açaizeiro, a palmeira do açaí, também é uma importante fonte de palmito, embora a colheita e a venda dos frutos estejam se tornando cada vez mais importante no mercado mundial.

Infelizmente, com o desmatamento selvagem das florestas amazônicas feitas por aproveitadores ilegais, muitas palmeiras foram colocadas em risco de extinção, pois com a extração do caule para o retiro do palmito, a planta morre.

O coqueiro, por exemplo, tem uma proteção „natural“, como as frutas (cocos) têm um valor económico mais elevado do que o ganho do palmito, eles não são cortados para esta finalidade.

A fim de abastecer o mercado mundial, está havendo o aumento da preferência por palmitos cultivados, as palmeiras estão sendo criadas exclusivamente para a produção do palmito em áreas específicas, protegendo, até certo ponto, a exploração e degradação da natureza.
O Brasil é considerado um dos maiores produtores e consumidores de palmito no mundo.

O Palmito é um vegetal extremamente macio com um sabor suave, de noz!
Como vocês podem ver, eles se assemelham aos aspargos, mas são cortados ligeiramente mais grossos e mais curtos.
Aqui na Alemanha encontramos nos supermercados palmitos somente em conservas, por causa disso, eles são um pouco mais  azedinhos, porque são preservados com vinagre e limão, mas não altera a qualidade.
Eles são ótimos em saladas, assados e cozidos, como tapas, servidos com camarão ou envoltos com presunto, bem como um acompanhamento para o churrrasco, etc.

Eu escolhi uma receita de uma salada muito simples para vocês hoje e espero, com isso, poder ganhar o „coração“ de vocês!

Salada de Palmito com Molho de Mel e Mostarda

1 Vidro ou Lata de Palmito  (500 g), cortar em rodelas
500 g Salada Verde – alface
Tiras de Salmão a gosto
Amêndoas a gosto
150 g Tomate-cereja
1 EL Azeite de Oliva extra virgem
3 EL Balsâmico
Azeitonas pretas a gosto
Sal e Pimenta a gosto
Colocar todos os ingredientes em uma saladeira e misturar.
Para o molho:  2 c. sopa Mostarda, 2 c. sopa Mel, 2 c. sopa Azeite de Oliva 2 c. sopa Vinagre branco mit 1 c. sopa Água, Sal e Pimenta – Misturar tudo e pronto!

Escrevam-me contando o que vocês acham dos „aspargos de praia“, ok?! 🙂

Bjo e Tchau

Schreibe einen Kommentar

Deine E-Mail-Adresse wird nicht veröffentlicht. Erforderliche Felder sind mit * markiert.